Desde que lancei minha campanha de fim de ano, não pude deixar de reparar no fato de que quase todo mundo confunde PROPÓSITO DE VIDA, OBJETIVO E META. E você, sabe a diferença? Bem, vou simplificar:

Propósito de vida -> Está relacionado à sua finalidade nesta vida;

Objetivo -> Aquilo que você deseja obter, realizar ou alcançar;

Metas -> As etapas que você precisa concluir para atingir seu objetivo.

O seu propósito é, metaforicamente, seu grande guarda-chuva e é abaixo dele que estão seus objetivos e metas; assim, quanto mais alinhados eles estiverem com seu propósito, mais feliz você se sentirá.

Isso significa que, bem, há uma profunda relação entre essas três coisas, mas é superimportante que você encontre e se conecte ao seu propósito de vida para que possa tornar seus objetivos e metas muito mais acessíveis!

Então, se você quer descobrir o seu propósito (ou assegurar que o que está fazendo hoje está alinhado com ele), pergunte-se: “PARA QUÊ?”.

Para que eu vivo?

Para que eu existo?

Para que sou a pessoa que eu sou?

Para que desejo casar?

Para que desejo guardar dinheiro?

Para que sou líder?

Veja que é diferente de usar “por quê?”. A resposta do “por que” leva você ao passado ou a uma reposta de status quo como: “guardo dinheiro para me sentir seguro”. Já o “para que” leva você a refletir sobre qual o sentido de guardar dinheiro.

Quando estamos conectados ao autoconhecimento conseguimos responder ao “para que” com muito mais fluidez e facilidade. É algo que conquistei no Processo Hoffman e pelo qual sou profundamente grata a Bob Hoffman.

Sempre que pratico esse exercício, eu, particularmente, vejo claramente que o meu propósito é o de motivar e desenvolver, no maior número possível de pessoas, a vontade de desfrutar do amor-próprio e da felicidade em suas vidas.

Então, convido você a fazer a principal pergunta do propósito: para que você acorda todos os dias? E quem se importa com isso? Encontre sua resposta e, depois, honre-a: esta é a sua razão de viver.

 

Processo Hoffman

Temas:

Expert em Autoconhecimento e Inteligência Comportamental, considerada uma das maiores especialistas no método Hoffman, no Brasil. Palestrante, Coach, Master Practitioner em PNL, Consteladora Sistêmica, autora de "O Mapa da Felicidade" e coautora de mais sete livros sobre Gestão de Pessoas, Liderança e Coach. É diretora do Centro Hoffman

3 respostas para “Neste fim de ano, encontre e conecte-se à sua razão de viver”

  1. kleber claret de hollanda disse:

    Espetáculo. Muito em tão pouco

  2. Ana Maria disse:

    É interessante pensar que todos nós temos desejos, sonhos e objetivos, mas, nem sempre sabemos o” pra que”. Gosto muito de receber as suas mensagens, elas me levam a refletir melhor a minha caminhada e qual caminho seguir para alcançar os meus objetivos. Para que sou a pessoa que sou????? essa me pegou!!! Feliz Natal!

  3. Ludmila Abdalla Magalhães Pereira disse:

    Reflexão profunda!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *